TVTEC Blog | http://tvtecjundiai.com.br/tvtecblog

TVTEC Blog com Pedro Fávaro Jr.
07
maio 2018

Jundiaiense relata trabalho de missão na África

Leia mais Destaque

 

Pedro Fávaro Jr.

Acompanhado de outras 18 pessoas, médicos, médicas, enfermeiros, enfermeiras e profissionais da área o técnico de enfermagem Rafael Linardi, de Jundiaí, chegou ao seu destino no dia 29 de abril: é a República de Benin, de colonização francesa, na África Ocidental. A população do país vive na precariedade, não há saúde pública, o saneamento básico é zero como são inexistentes sinais de urbanização na região. A Missão Brasil Benin só tem uma arma contra a precariedade: o amor.

É a segunda vez que Rafael  participa da Missão, criada pelo cirurgião pediátrico Alexandre Kazantzi e sua esposa Julieta Sato. Ele reporta para o TVTEC Blog a experiência que estão vivendo, via Facebook e WhatsApp, vencendo o sinal débil e inconstante da internet onde está.

“Você pergunta como estamos. E posso dizer que estamos todos bem, nos adaptando com o clima e o fuso horário que tem uma diferença de quatro horas a mais do Brasil”, me explica ele. Acrescenta que os principais trabalhos que a Missão está realizando são cirurgias pediátricas e adultas e o auxílio em atendimentos de emergência hospitalar, num dos únicos hospitais da região, o Hospital La Croix.

Os maiores desafios são o da comunicação e o da logística. No primeiro caso, ocorre que mesmo tendo tradutores na equipe fica difícil estabelecer o diálogo em razão de existirem muitos dialetos e idiomas nativos, apesar do Francês ser a língua oficial. Sobre a logística, o acesso aos suprimentos é difícil em razão da distância e da estrada em más condições e da falta de meios rápidos e eficientes de comunicação.

“De qualquer modo”, conta Rafael, “a experiência profissional e pessoal é fantástica. Estamos ainda em missão, aguardando a chegada da segunda equipe que continuará os trabalhos até dia 18.”

HISTÓRIA

A missão para Benin teve origem em 2006 com grupo da Congregação das Irmãs de Santa Marcelina. Elas decidiram levar um grupo para o continente africano, na África ocidental, a República do Benin, um país de colonização francesa.

O doutor Alexandre acabou convidado e participou, antes que ele e a esposa Julieta criassem a Missão Brasil Benin, em 2011, para ampliar o número de voluntários na área médica e atender as necessidades da população que haviam constatado nas missões anteriores com as irmãs.

Rafael está na segunda vez na missão. “É uma questão de amor. São duas semanas para ajudar com o pouco que temos e podemos, aqueles que nada tem e que precisam dessa atitude de amor”, explica.”E no fim, o amor e carinho que a gente recebe vindo do povo africano é muito mais. A gente acaba recebendo muito mais.”

Fernanda Marcela Custódio está  na missão primeira vez. Garante que é uma felicidade enorme poder fazer o que fazem. “Um pouquinho do que sabemos, do que conseguimos para ajudar essas crianças e adultos. E isso faz uma diferença fabulosa na vida  dessas pessoas. Nós, de nossa parte, sentimos uma gratidão imensa que supera toda ansiedade e todos os medos”, garante a enfermeira.

 



Deixe seu comentário preenchendo os campos abaixo

Os comentários são moderados, e mensagens ofensivas serão removidas.

Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório. Seu endereço de e-mail não será publicado.

Link original: https://tvtecjundiai.com.br/tvtecblog/2018/05/07/jundiaiense-relata-trabalho-de-missao-na-africa/

Apoio